Semana Nacional de Ciência e Tecnologia começa no dia 19 | AGÊNCIA FAPESP

Voltado principalmente para crianças e jovens, o evento que terá mais de 11 mil atividades apresentará pesquisas realizadas por todo o país

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia começa no dia 19

16 de outubro de 2009

Agência FAPESP – Cerca de 11 mil atividades já foram cadastradas na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, para realização em mais de 500 instituições de 350 cidades.

A sexta edição do evento anual será realizada de 19 a 25 de outubro e tem como tema “A Ciência no Brasil”. O objetivo é despertar a atenção da população para a ciência e tecnologia e apresentar pesquisas realizadas em todo o país.

Na primeira edição da Semana de C&T, em 2004, foram promovidas 1.848 atividades. Em 2008, o total chegou a 10.859 eventos. Promovido pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, o evento é direcionado principalmente a crianças e jovens.

Feiras de ciência em praças públicas, concursos, oficinas e palestras, visitas de pesquisadores às escolas, jornadas de iniciação científica, distribuição de cartilhas de divulgação científica e exibição de filmes e vídeos sobre assuntos relacionados com a ciência são algumas das atividades previstas.

A cidade de São Paulo terá, entre os destaques, as exposições “A arte da ilustração científica no Instituto Butantan”, “Charles Darwin: evolução para todos”, no Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo, “Experimentoteca – O ar e o vento (catavento, pipa)”, na Estação Ciência, e “Planeta Inseto: conheça este mundo”, no Instituto Biológico. Em Campinas, o Grupo Astronômico Aster realizará a exposição “Paisagens Cósmicas” na Biblioteca Central da Universidade Estadual de Campinas.

Mais informações sobre os eventos em todo o país, que são gratuitos, em: http://semanact.mct.gov.br.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados