Pós-doutorado em Planejamento de Fármacos com Bolsa da FAPESP | AGÊNCIA FAPESP

Pós-doutorado em Planejamento de Fármacos com Bolsa da FAPESP Pesquisador integrará grupo multidisciplinar que trabalha com doenças negligenciadas, como leishmaniose e Chagas. Candidatos podem se inscrever até 15 de março (foto: Léo Ramos Chaves / Revista Pesquisa FAPESP)

Pós-doutorado em Planejamento de Fármacos com Bolsa da FAPESP

01 de março de 2019

Agência FAPESP – O Centro de Pesquisa e Inovação em Biodiversidade e Fármacos (CIBFar), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP, oferece uma vaga com Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP. O prazo de inscrição termina em 15 de março de 2019.

O pesquisador integrará um grupo multidisciplinar sediado no Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da Universidade de São Paulo (USP) em colaboração com a Iniciativa Medicamentos para Doenças Negligenciadas (DNDi, na sigla em inglês), organização sem fins lucrativos de pesquisa e desenvolvimento com foco na descoberta e otimização de novas entidades químicas para o tratamento da leishmaniose e da doença de Chagas.

O pós-doutorando será responsável pelo planejamento e execução de ensaios fenotípicos in vitro contra Trypanosoma cruzi e Leishmania e estudos in vitro de farmacocinética e metabolismo (solubilidade, permeabilidade, lipofilia e estabilidade metabólica).

Os candidatos devem ter título de doutor obtido há no máximo sete anos, no país ou no exterior, e experiência na condução de ensaios in vitro de parasitologia e/ou farmacocinética/ADME.

Os interessados devem enviar curriculum vitae, carta de interesse e duas cartas de recomendação para o professor Adriano Andricopulo (aandrico@ifsc.usp.br), pesquisador principal do projeto, e para Jadel Kratz (jkratz@dndi.org). Mais informações sobre a vaga: www.fapesp.br/oportunidades/2639.

A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados