Chan Zuckerberg Initiative abre chamada para projetos sobre inflamação | AGÊNCIA FAPESP

Chan Zuckerberg Initiative abre chamada para projetos sobre inflamação Empresa filantrópica criada pelo dono do Facebook e sua esposa pretende apoiar projetos que avancem no entendimento da inflamação no nível das células e tecidos afetados (As micróglias são as células de defesa do sistema nervoso central e têm papel-chave na patogênese da doença de Alzheimer - imagem: CZI)

Chan Zuckerberg Initiative abre chamada para projetos sobre inflamação

26 de setembro de 2019

Agência FAPESP – A Chan Zuckerberg Initiative (CZI) lançou uma nova chamada para projetos-piloto colaborativos com duração de dois anos e foco no papel da inflamação na manutenção da saúde e no desencadeamento de doenças. O prazo para inscrições vai até 19 de novembro de 2019.

A CZI é uma empresa de filantropia criada pelo fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, e sua esposa, Priscilla Chan, com o objetivo de contribuir para o “avanço do potencial humano e a promoção da igualdade de oportunidades”.

A chamada visa o desenvolvimento de novas equipes, compostas por dois ou três pesquisadores principais de diferentes áreas do conhecimento, que possam avançar na análise interdisciplinar da inflamação. Os selecionados poderão solicitar até US$ 175 mil em custos totais por laboratório.

A CZI busca projetos dedicados a identificar princípios unificadores subjacentes à homeostase tecidual e à inflamação no nível de uma única célula. Propostas bem-sucedidas reunirão pesquisadores em diferentes domínios experimentais, computacionais ou médicos, que abordarão as propriedades e interações das células locais nos tecidos inflamados e as compararão com as propriedades e interações de células semelhantes em tecidos saudáveis.

Busca-se com a iniciativa aumentar o conhecimento sobre as células que fazem a mediação da inflamação em vários tecidos, incluindo a identificação dos tipos celulares envolvidos, suas propriedades moleculares e como eles ou seus parceiros de interação mudam em várias condições inflamatórias.

Durante a fase-piloto, buscam-se propostas que desenvolvam ferramentas e recursos para o estudo da inflamação no nível das células e tecidos locais, incluindo imagem volumétrica, transcriptômica e proteômica baseada em imagem, transcriptômica unicelular, organoides e outros modelos de tecidos e computação. No longo prazo, o programa pretende abordar os mecanismos de inflamação no nível celular, incluindo sua dinâmica, fatores moleculares e os efeitos de fatores de risco genéticos e ambientais nas propriedades e interações celulares relevantes.

A chamada não se destina a apoiar ensaios clínicos, desenvolvimento de medicamentos ou análises de genoma inteiro.

Os candidatos devem ter doutorado (ou serem doutores em Medicina) ou grau equivalente, vínculo acadêmico e estar em uma posição independente no corpo docente ou equivalente em uma faculdade, universidade, escola médica ou outro centro de pesquisa credenciado.

As inscrições podem ser enviadas por organizações sem fins lucrativos nacionais e estrangeiras, instituições públicas e privadas, como faculdades, universidades, hospitais, laboratórios, unidades de governo estadual e local e agências elegíveis do governo federal.

As inscrições devem ser feitas pelo site da CZI. Os candidatos selecionados serão notificados em fevereiro de 2020.

Mais informações: https://chanzuckerberg.com/rfa/single-cell-analysis-inflammation/.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados