Projeto de divulgação científica homenageia os pioneiros da física no Brasil | AGÊNCIA FAPESP

Instituto Sul-Americano para Pesquisa Fundamental inaugura a programação apresentando a biografia de Sérgio Mascarenhas, que contribuiu para avanços e descobertas nos campos da física do estado sólido, da física médica e da biofísica molecular (foto: Wikimedia Commons)

Projeto de divulgação científica homenageia os pioneiros da física no Brasil

01 de outubro de 2021

Agência FAPESP – O Instituto Sul-Americano para Pesquisa Fundamental (ICTP-SAIFR) lançou novo programa de divulgação científica intitulado “Pioneiros da Física Brasileira”. A iniciativa foi concebida para homenagear cientistas que contribuíram decisivamente para o desenvolvimento da física no Brasil.

A primeira homenagem foi feita a Sérgio Mascarenhas, pioneiro da física do estado sólido no Brasil que faleceu em maio deste ano. Mascarenhas também enveredou por diversas áreas de fronteira da física, contribuindo para importantes avanços e descobertas no campo da física médica, biofísica molecular, neurofísica e física do solo. Junto ao ICTP, em Trieste, desenvolveu por mais de uma década importante colaboração com o professor Abdus Salam (Prêmio Nobel em 1979), impulsionando o ensino e a disseminação de conhecimentos nessas áreas nascentes da física em muitos países da África, Ásia e América Latina.

A biografia poderá ser acessada no site do ICTP-SAIFR. O próximo tema da programação abordará as pesquisas pioneiras sobre raios cósmicos e a incrível trajetória do físico russo-italiano Gleb Wataghin, considerado por muitos como o “pai da física” no Brasil.

O ICTP-SAIFR é um centro de pesquisas com apoio da FAPESP e sede no Instituto de Física Teórica da Universidade Estadual Paulista (Unesp).
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados