Treinamento técnico em arboviroses na Unesp de Botucatu | AGÊNCIA FAPESP

Treinamento técnico em arboviroses na Unesp de Botucatu Vaga é para estudar o efeito da urbanização sobre a competência vetorial dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus, que são transmissores de arboviroses (foto: Wikimedia Commons)

Treinamento técnico em arboviroses na Unesp de Botucatu

16 de dezembro de 2020

Agência FAPESP – Uma vaga de treinamento técnico nível três (TT-3) com bolsa da FAPESP está disponível pelo projeto “A interface entre saúde urbana e doenças transmitidas por vetores: o exemplo do mosquito tigre em ambientes urbanos”. O prazo de inscrição acaba no dia 31 de dezembro de 2020.

O projeto é desenvolvido no Laboratório Vectomics da Faculdade de Ciências Agronômicas da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu (SP). A bolsa é vinculada a um auxílio regular aprovado no âmbito do acordo de cooperação da FAPESP com a University of Lyon (França).

O bolsista estudará o efeito da urbanização sobre a competência vetorial dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus, que são transmissores de arboviroses. Ele deve ter interesse em atividades de pesquisa com insetos vetores envolvendo temas como microbiota intestinal e competência vetorial, além de técnicas de cultura celular em ambiente NB2 e sequenciamento em alta vazão para análises microbiômicas.

Além disso, o bolsista dará suporte em atividades de coleta de mosquitos no campo e na manutenção de colônias de mosquitos em insetário.

Experiência prévia com cultivo celular, técnicas básicas de biologia molecular e manutenção de colônias de mosquitos é desejável para a vaga, mas não obrigatória.

Os interessados devem enviar ao e-mail do coordenador do projeto, o professor Jayme Augusto Souza-Neto (jayme.souza-neto@unesp.br), um único arquivo PDF contendo: carta de interesse com realizações acadêmicas, súmula curricular FAPESP e histórico escolar da graduação.

Mais informações sobre a vaga em: www.fapesp.br/oportunidades/4016.

A Bolsa de TT-3 tem valor de R$ 1.228,40 mensais. É direcionada a graduados do nível superior, sem reprovações no histórico escolar e sem vínculo empregatício. A dedicação deverá ser de 16 a 40 horas semanais às atividades de apoio ao projeto de pesquisa. O tempo de bolsa TT-3 será descontado no caso de o interessado vir a usufruir de Bolsa de Mestrado ou Doutorado Direto.

Mais informações sobre as bolsas de Treinamento Técnico da FAPESP: www.fapesp.br/bolsas/tt.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados