PD em proteômica com Bolsa da FAPESP | AGÊNCIA FAPESP

Projeto Temático na Unifesp tem oportunidade de pós-doutoramento com pesquisa sobre os fungos interesse médico Paracoccidioides brasiliensis e Sporothrix schenckii

PD em proteômica com Bolsa da FAPESP

17 de janeiro de 2011

Agência FAPESP – O Projeto Temático "Biologia Molecular e Proteômica de fungos de interesse médico: Paracoccidioides brasiliensis e Sporothrix schenckii"", apoiado pela FAPESP, tem uma oportunidade de Bolsa de Pós-Doutorado.

O Temático é coordenado pelo professor Zoilo Pires de Camargo, na Disciplina de Biologia Celular na Universidade Federal de São Paulo.

O projeto de pesquisa a ser desenvolvido pelo selecionado tem como principal objetivo a identificação de proteínas dos dois fungos por métodos de proteômica, além da análise da resposta imune humoral de pacientes acometidos pelas micoses por imunoproteômica.

Também será feita a análise filogenética desses fungos por sequenciamento do DNA para compreensão da epidemiologia molecular de cepas provenientes de diversas regiões geográficas do Brasil.

É indispensável que o candidato tenha boa experiência de trabalho com os agentes em questão.

Os interessados devem enviar, até o dia 30 de janeiro de 2011, carta de interesse, currículo atualizado e três cartas de recomendação para zpcamargo@unifesp.br. A vaga está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$5.028,90 mensais.

Outras vagas de Bolsas de Pós-Doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.oportunidades.fapesp.br.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados