Nanocell premiará cientistas e empreendedor do ano | AGÊNCIA FAPESP

Objetivo é valorizar, incentivar e divulgar trabalhos de inovação em ciências, educação e saúde pública (foto: Agência FAPESP)

Nanocell premiará cientistas e empreendedor do ano

29 de março de 2018

Agência FAPESP – O 3º Prêmio Cientistas e Empreendedor do Ano do Instituto Nanocell está com inscrições abertas até 31 de março. Serão mais de R$ 5 mil em prêmios.

O prêmio tem duas categorias. Uma delas é para professores e alunos, incluindo pós-doutorandos, e é dividida em seis áreas e temas: 1) Biotecnologia aplicada à saúde; 2) Pesquisas com células-tronco humanas; 3) Nanotecnologia: da produção à aplicação; 4) Genética Humana: Além do DNA; 5) Virologia: Atacando os vírus e novos usos; e 6) Neurociências: perspectivas para um cérebro saudável.

A outra categoria, Prêmio Empreendedor do Ano, inclui empresas de biotecnologia formalmente constituídas e startups da área da saúde ou biotecnologia.

Os seis cientistas (professores e/ou alunos) e empreendedores mais indicados pelo site do Instituto Nanocell em cada área serão automaticamente classificados para a segunda fase.

Na segunda fase, os usuários cadastrados no site votam em seus favoritos e os cientistas/empreendedores mais votados somam pontos na média final das notas recebidas pela comissão da primeira banca.

Na terceira etapa, uma comissão – composta por membros de comitês de assessoramento, fundações, associações e sociedades científicas e educacionais brasileiras e estrangeiras de diferentes instituições públicas e privadas – escolherá os vencedores finais dentre aqueles que tiveram as melhores notas na média das votações.

Serão premiados ao todo 15 pesquisadores, sendo um professor e um estudante ou formado em cada área, além de uma empresa e uma startup da categoria “Empreendedor”. O resultado final será divulgado em setembro.

Mais informações: www.nanocell.org.br.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados