A influência da dieta no microbioma humano é foco de tese brasileira premiada na Alemanha | AGÊNCIA FAPESP

A influência da dieta no microbioma humano é foco de tese brasileira premiada na Alemanha Trabalho foi desenvolvido por Jonas Coelho Kasmanas, com apoio da FAPESP, no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da USP (foto: acervo pessoal)

A influência da dieta no microbioma humano é foco de tese brasileira premiada na Alemanha

31 de janeiro de 2022

Agência FAPESP* – A tese de doutorado desenvolvida por Jonas Coelho Kasmanas, aluno do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da Universidade de São Paulo (ICMC-USP) e bolsista da FAPESP, foi um dos seis trabalhos vencedores do Helmholtz Information & Data Science Academy HIDA – prêmio concedido pela Helmholtz Association of German Research, da Alemanha.

Denominado “Analysis and Classification of Human Microbiomes: detection of bioindicators and optimization through machine learning”, o trabalho de Kasmanas foi conduzido no âmbito do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), sob a orientação dos professores André Ponce de Leon Carvalho, do ICMC-USP, e Peter Stadler, na Alemanha. A tese teve seu primeiro capítulo publicado como “HumanMetagenomeDB: a public repository of curated and standardized metadata for human metagenomes”.

O CeMEAI é um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP sediado no ICMC-USP, em São Carlos.

Segundo Kasmanas, o foco do trabalho é a influência de diferentes dietas no microbioma humano. “É certo que em nosso organismo há mais genes das nossas comunidades microbianas do que genes humanos. No eixo intestino/cérebro há muitas perguntas que, se respondidas, podem até mesmo levar a soluções para doenças psiquiátricas”, avalia.

Atualmente, conta o doutorando, o número de metagenomas em repositórios públicos está aumentando exponencialmente. “Esses bancos de dados permitem que os cientistas reanalisem amostras e explorem novas hipóteses. No entanto, a mineração de amostras pode ser um fator limitante, uma vez que os metadados disponíveis nesses repositórios são frequentemente mal anotados, enganosos e descentralizados, criando um ambiente excessivamente complexo para reanálise de amostra. O objetivo principal da nossa pesquisa é simplificar a identificação e o uso de metagenomas humanos públicos de interesse”, explica.

Uma das respostas que podem surgir por meio da análise de metagenomas é se há associação entre o consumo de determinados alimentos e o surgimento de bactérias resistentes a antibióticos, por exemplo.

* Com informações da Assessoria de Comunicação do CeMEAI.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados