FAPESP lança nova modalidade de bolsa | AGÊNCIA FAPESP

FAPESP lança nova modalidade de bolsa Bolsa de Doutorado Direto para estudantes de cursos de medicina visa ao treinamento integrado de dupla titulação (MD-PhD) para a próxima geração de líderes médico-cientistas (Crédito: Halcyon Marine Healthcare Systems/Pixabay)

FAPESP lança nova modalidade de bolsa

03 de novembro de 2021

Agência FAPESP – A FAPESP lançou hoje (03/11) uma nova modalidade de Bolsas de Doutorado Direto para estudantes de programas MD-PhD mantidos por universidades e instituições de pesquisa do Estado de São Paulo, que têm como objetivo a formação de profissionais motivados para uma carreira que contemple tanto a atividade médica como a pesquisa científica.

A nova modalidade de bolsas destina-se a alunos com alto desempenho, qualificados para desenvolver e implementar abordagens eficazes e baseadas em evidências científicas, para o treinamento integrado de dupla titulação: médico (MD) e doutorado em pesquisa (PhD) nas instituições públicas ou privadas em que estejam realizando a graduação.

“A missão do Programa de MD-PhD é treinar a próxima geração de líderes médico-cientistas visando a um conhecimento de amplo espectro em várias áreas de disciplinas básicas e clínicas, de ciências sociais e interdisciplinares, e pesquisa translacional, favorecendo a disseminação de conhecimentos para a sociedade”, afirma Luiz Eugênio Mello, diretor científico da FAPESP.

Podem submeter proposta alunos de doutorado direto selecionados pelo Programa MD-PhD, sem o título de graduação e com o trancamento especial da matrícula no curso de medicina após cursar o ciclo básico.

Os alunos deverão ter matrícula especial em programas de pós-graduação stricto sensu com conceito Capes igual ou superior a cinco, oferecidos pela instituição de ensino superior sede de sua graduação em medicina, para o desenvolvimento de projeto de pesquisa que resulte em tese.

O orientador deve ter título de doutor ou qualificação equivalente, avaliada por sua súmula curricular. Deve também ter experiência demonstrada na liderança de projetos de pesquisa internacionalmente competitivos e orientação de estudantes. O histórico acadêmico do orientador deve demonstrar experiência internacional em pesquisa após o doutoramento ou participação ativa em redes internacionais de colaboração em pesquisa.

Há três níveis de Bolsa de Doutorado Direto para estudantes de Programa MD-PhD: DD-I, DD-II e DD-III, cada uma com duração máxima de um ano. Os valores podem ser consultados em fapesp.br/3162.

A solicitação pode ser feita em qualquer época do ano pelo SAGe.

As normas da modalidade de Bolsa de Doutorado Direto para estudantes de Programa MD-PhD estão disponíveis em: fapesp.br/bolsas/dd-md-phd.

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados