Treinamento técnico em teste de software e acessibilidade digital com bolsa FAPESP | AGÊNCIA FAPESP

Treinamento técnico em teste de software e acessibilidade digital com bolsa FAPESP Vaga na EACH-USP é para projeto que busca a automação do teste de acessibilidade em aplicações móveis com sistema Android (foto: Freepik)

Treinamento técnico em teste de software e acessibilidade digital com bolsa FAPESP

07 de maio de 2019

Agência FAPESP – Uma vaga de treinamento técnico nível cinco (TT-5) com bolsa da FAPESP é oferecida pelo projeto "Automação do teste de acessibilidade em aplicações móveis Android", realizado na Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP), em São Paulo.

Com coordenação do professor Marcelo Medeiros Eler, o projeto é um Auxílio à Pesquisa Regular. A inscrição para a oportunidade deve ser feita até dia 19 de maio de 2019.

O candidato aprovado vai participar da implementação e da evolução de uma ferramenta de teste automático de aplicações móveis que possua verificações específicas para acessibilidade digital, além da criação e manutenção de infraestrutura técnica para a execução de experimentos. Outra atividade será a participação em parcerias com organizações públicas e privadas para transferência tecnológica.

As inscrições devem ser feitas com o coordenador do projeto pelo e-mail marceloeler@usp.br.

Mais informações sobre a vaga: www.fapesp.br/oportunidades/2843.

A Bolsa TT-5 da FAPESP é voltada a profissional graduado, especialista em TI com pelo menos cinco anos de experiência após a graduação ou título de doutorado (preferível doutor em computação), sem vínculo empregatício, com dedicação de 40 horas semanais às atividades de apoio ao projeto de pesquisa. O valor da bolsa é de R$ 7.372,40 mensais.

Para mais informações sobre os requisitos da bolsa: www.fapesp.br/3098.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados