Treinamento técnico em microbiologia com bolsa da FAPESP | AGÊNCIA FAPESP

Treinamento técnico em microbiologia com bolsa da FAPESP Vaga é oferecida na startup Biodiversita, apoiada pelo PIPE; projeto visa desenvolver biofertilizante nitrogenado com a biomassa resultante da associação simbiótica entre plantas aquáticas e cianobactérias (imagem: Atriplex82 / Wikimedia Commons)

Treinamento técnico em microbiologia com bolsa da FAPESP

21 de agosto de 2019

Agência FAPESP – O projeto “Desenvolvimento de biofertilizante nitrogenado a partir de biomassa da associação simbiótica Azolla/Anabaena para uso como insumo agrícola”, desenvolvido na startup Biodiversita, no âmbito do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE), tem disponível uma vaga para treinamento técnico nível três (TT-3) com bolsa da FAPESP. O prazo de inscrição termina em 26 de agosto de 2019.

O candidato deve ter interesse em aprender regras de biossegurança, técnicas de cultivo e manutenção de culturas microbianas e vegetais, condução de experimentos em casa de vegetação, processamento e análise de resultados, catalogação sistemática de reagentes e realização de controle de qualidade.

Estão entre as atividades do bolsista: preparação de soluções e meios de cultura, realização de experimentos em laboratório e casa de vegetação, organização dos dados no caderno de laboratório e tabulação em computador, entre outras.

Os candidatos devem ter graduação concluída em período inferior a seis meses. São exigidos: conhecimento avançado em microbiologia e básico em biologia molecular (extração de DNA, montagem de sequência e afins), além de experiência prévia em laboratório de pesquisa.

Para se candidatar, os interessados devem enviar e-mail para o coordenador da vaga, o pesquisador Diego Bonaldo Genuário (diego@biodiversita.com.br).

Mais informações: www.fapesp.br/oportunidades/3045.

A Bolsa de TT-3 tem valor de R$ 1.228,40 mensais. É direcionada a graduados do nível superior, sem reprovações no histórico escolar e sem vínculo empregatício. A dedicação deverá ser de 16 a 40 horas semanais às atividades de apoio ao projeto de pesquisa. O tempo de bolsa TT-3 será descontado no caso de o interessado vir a usufruir de Bolsa de Mestrado ou Doutorado Direto.

Mais informações sobre as bolsas de Treinamento Técnico da FAPESP: www.fapesp.br/bolsas/tt.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados