Projeto BioGenoma da Terra avança no sequenciamento da vida | AGÊNCIA FAPESP

Projeto BioGenoma da Terra avança no sequenciamento da vida Consórcio internacional estabelece a base para o sequenciamento de milhares de espécies de plantas, animais, protozoários e fungos na primeira fase do projeto (imagem: divulgação)

Projeto BioGenoma da Terra avança no sequenciamento da vida

25 de setembro de 2019

Agência FAPESP – O Projeto BioGenoma da Terra (EBP, na sigla em inglês) estabeleceu, em seu primeiro ano de atuação, a fundação necessária para completar a primeira fase do projeto, cujo objetivo é sequenciar o DNA de todas as espécies eucarióticas da Terra.

A primeira fase da iniciativa envolve o sequenciamento, nos próximos três anos, de espécies que representem cada uma das cerca de 9,3 mil famílias de plantas, animais, protozoários, fungos e outros microrganismos Detalhes do projeto foram apresentados em um encontro realizado na Rockefeller University, em Nova York, no fim de agosto.

"Foi um ano de tremendo progresso para o EBP, com interesse ampliado e apoio da comunidade científica, de agências de financiamento, de entidades filantrópicas e do público em geral", disse Harris Lewin, professor da University of California, Davis e presidente do EBP.

Segundo Lewin, membros do EBP e projetos afiliados têm liderado o caminho no “desenvolvimento de padrões e na entrega de genomas de referência de alta qualidade”. Entre os projetos afiliados ao EBP estão o G10K Vertebrate Genomes Project (VGP) e o Tree of Life.

O EBP é um consórcio internacional que reúne pesquisadores, universidades, institutos de pesquisa, agência de fomento e outras organizações de diversos países. A FAPESP participa com os programas de Pesquisas em Caracterização, Conservação, Restauração e Uso Sustentável da Biodiversidade (BIOTA) e de Pesquisa em eScience e Data Science.

“O EBP tem uma importância monumental para o nosso futuro. Estou extremamente animado em ver o projeto ganhar impulso e tenho grande expectativa com a riqueza de conhecimento científico que será produzida ao longo da próxima década”, disse Sir Mike Stratton, diretor do Wellcome Sanger Institute, no Reino Unido, uma das instituições participantes do projeto.

Em seu primeiro ano de atividades, o EBP conseguiu a adesão de diversos outros projetos de sequenciamento genômico, tais como: 1000 Fungal Genomes Project (1KFG), Global Invertebrate Genomics Alliance (GIGA), Global Ant Genomics Alliance (GAGA), 5,000 Insect Genome Project (i5K), Ag100 Pests, 10,000 Plant Genomes Project (10KP), 10,000 Bird Genomes (B10K), 200 Mammals Project, DNA Zoo, Australian Mammals Genome Project (OMG), LOEWE-Centre for Translational Biodiversity Genomics, The California Conservation Genomics Project, 1000 Chilean Genomes Project, Taiwan BioGenome Project, Smithsonian Global Genome Initiative (GGI), Global Genome Biodiversity Network (GGBN), Colombia EBP, Diversity Initiative for the Southern California Ocean e Open Green Genomes.

Mais informações sobre o EBP: www.earthbiogenome.org e https://twitter.com/EBPgenome.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados