Poli-USP e Fundação Vanzolini inauguram aceleradora de startups | AGÊNCIA FAPESP

Poli-USP e Fundação Vanzolini inauguram aceleradora de startups Idealizada por grupo de ex-alunos da Poli e por dirigente da Fundação Vanzolini (fot), PoliStart vai contribuir para o ecossistema de inovação da USP e seus parceiros (foto:Poli/USP)

Poli-USP e Fundação Vanzolini inauguram aceleradora de startups

13 de dezembro de 2017

Agência FAPESP – A aceleradora de startups PoliStart, inaugurada no dia 7 de dezembro, já está atendendo alunos de graduação, pós-graduação e ex-alunos da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) que tenham projetos inovadores, com potencial para transformar-se em negócio. A iniciativa partiu de ex-alunos da turma de 1980 do Departamento de Engenharia de Produção da Poli e da Fundação Vanzolini.

A PoliStart tem como meta conectar ainda mais os alunos da Poli e professores com o mercado externo e contribuir para o ecossistema de inovação da USP e seus parceiros, como já existe em universidades como Stanford, Harvard e MIT.

“Inicialmente, a PoliStart será uma aceleradora de ideias e startups em gestação ou nascidas no ambiente da Poli USP, por seus alunos e docentes. Mas, com o tempo, também terá o desafio de contribuir para o desenvolvimento de produtos e processos inovadores para clientes, interligando o investimento e a geração de valor”, explica o diretor de Operações da Vanzolini, professor Roberto Marx.

A equipe da PoliStart vai, basicamente, identificar bons projetos e ajudar os potenciais empresários a configurarem essas ideias como negócios, por meio de três eixos de ação: oferecer mentoria, networking, inteligência de mercado, espaço de co-working, treinamentos e funding; promover corporate ventures; e atuar em venture building, isto é, buscar ideias de negócio a partir de sua própria rede de recursos e designar equipes internas para desenvolvê-las.

A equipe da PoliStart também já prepara a Poli Angel, um braço da aceleradora que será formado por um grupo de pessoas que podem se tornar investidores em algumas startups e que também poderão atuar como mentores. Professores da Engenharia de Produção da Poli e de outros departamentos também poderão participar dessa iniciativa.

Mais informações estão disponíveis no site oficial da aceleradora: http://polistart.com.br/.

Assuntos mais procurados