Mestrado em análise de imagens de sementes e plântulas na USP | AGÊNCIA FAPESP

Mestrado em análise de imagens de sementes e plântulas na USP Vaga está vinculada ao subprojeto “Relação da fluorescência de clorofila na germinação com o potencial fisiológico de sementes de soja”; inscrições até 31 de março (foto: felixioncool/Pixabay)

Mestrado em análise de imagens de sementes e plântulas na USP

23 de março de 2020

Agência FAPESP – Uma Bolsa FAPESP de Mestrado é oferecida pelo projeto “Métodos de análise de imagens não destrutivos para avaliação da qualidade de sementes”, conduzido no Centro de Energia Nuclear na Agricultura da Universidade de São Paulo (Cena-USP), em Piracicaba (SP). As inscrições se encerram em 31 de março de 2020.

Espera-se com o projeto encontrar padrões de imagens ópticas por meio de técnicas modernas que permitam a caracterização de alterações nos padrões de qualidade de sementes de cenoura, tomate, pinhão-manso e amendoim, bem como dar continuidade aos trabalhos que o grupo de pesquisadores vem realizando nos últimos anos.

A oportunidade está vinculada ao subprojeto “Relação da fluorescência de clorofila na germinação com o potencial fisiológico de sementes de soja”. São requisitos ter graduação em agronomia, biologia ou áreas correlatas, experiência em pesquisa e bom nível de inglês.

As inscrições devem ser feitas pelo e-mail da pesquisadora Clíssia Barboza da Silva (clissia_usp@hotmail.com), com a descrição “Mestrado – Nome do candidato” no campo assunto. Os candidatos devem encaminhar os seguintes documentos em formato PDF: currículo Lattes atualizado, histórico escolar da graduação e duas cartas de recomendação.

Mais informações sobre as vagas em: www.fapesp.br/oportunidades/3515.

Os requisitos e benefícios das bolsas mestrado da FAPESP estão disponíveis no site www.fapesp.br/bolsas/ms.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados