Meninas SuperCientistas incentiva carreira científica entre jovens | AGÊNCIA FAPESP

Evento organizado pela Unicamp reunirá 50 meninas de escolas públicas e privadas para participar de oficinas, palestras e atividades práticas em várias áreas do conhecimento

Meninas SuperCientistas incentiva carreira científica entre jovens

23 de abril de 2019

Agência FAPESP – Um grupo de professoras e alunas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) organiza o evento Meninas SuperCientistas, voltado a estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental. O evento acontecerá em de junho de 2019. As inscrições começam no dia 23 de abril e terminam em 5 de maio.

Em quatro sábados de junho, 50 meninas de escolas públicas e privadas vão participar de oficinas, palestras e atividades práticas em várias áreas do conhecimento. A proposta tem o objetivo de incentivar a carreira científica, especialmente em áreas de exatas e engenharias.

A ideia foi inspirada em Meninas com Ciência, iniciativa das mulheres do Departamento de Geologia e Paleontologia do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Participam do Meninas SuperCientistas: Ana Zeri (Laboratório Nacional de Luz Síncrotron); Carolina Zabini (Instituto de Geociências da Unicamp); Eliana Amaral (Faculdade de Ciências Médicas e atual Pró-Reitora de Graduação da Unicamp), Esther Colombini (Instituto de Computação da Unicamp), Maria Gabriela Celani (Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da Unicamp) e Jane Hetem (Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo).

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas por meio da página do evento no Facebook. As atividades acontecerão em vários espaços do campus Barão Geraldo e no Museu Aberto de Astronomia, em Campinas.

Mais informações: https://bit.ly/2GiD3Dm.
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados