Hospital A.C.Camargo anuncia vencedores do Prêmio Ricardo Renzo Brentani | AGÊNCIA FAPESP

Entre os contemplados pela nova premiação estão os trabalhos de Luiz Paulo Kowalski e Antônio Hugo Fróes Campos(foto: Hospital A.C.Camargo)

Hospital A.C.Camargo anuncia vencedores do Prêmio Ricardo Renzo Brentani

11 de março de 2013

Agência FAPESP – O cirurgião Luiz Paulo Kowalski e o patologista Antônio Hugo Fróes Campos estão entre os contemplados pela primeira edição do Prêmio Professor Ricardo Renzo Brentani, instituído pelo Hospital A.C.Camargo este ano em homenagem ao cientista que presidiu a instituição. Professor emérito da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), Brentani (1937-2011) também foi diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo da FAPESP.

O prêmio é voltado aos integrantes do corpo clínico do hospital – que é uma referência em ensino, pesquisa e tratamento de câncer –, como forma de a instituição promover novas oportunidades para os médicos e pesquisadores realizarem pesquisas sobre o câncer.

Com prêmios que variam de R$ 20 mil a R$ 100 mil, foram contemplados nove projetos, abordando câncer de mama, boca, reto e tumores infantis, em um total de R$ 500 mil.

Também foram premiados os projetos liderados pelos cirurgiões oncologistas Samuel Aguiar Junior, Wesley Andrade e Hirofumi Iyeyasu, os radiologistas Rubens Chojniak e Marcus Duarte e os patologistas Maria Dirlei Ferreira de Souza Begnami e Victor Piana.

O trabalho premiado liderado pelo patologista Antônio Hugo Fróes Campos consiste na utilização de técnicas de expressão gênica em massa, que tem fornecido informações valiosas sobre aspectos biológicos do câncer, assim como padrões de expressão gênica associados à sua evolução, prognóstico e sensibilidade a distintos protocolos de tratamento.

Já a pesquisa feita por Kowalski trata de um estudo molecular em larga escala para distinção entre recidiva verdadeira ou segundo tumor primário em carcinomas epidermópides de boca.

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados