Documentário Entretempos estreia em 19 de outubro | AGÊNCIA FAPESP

Dirigido por Henri Gervaiseau e produzido pelo Centro de Estudos da Metrópole, longa integra a programação da 36ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo (divulgação)

Documentário Entretempos estreia em 19 de outubro

18 de outubro de 2012

Agência FAPESP – O documentário Entretempos, dirigido por Henri Gervaiseau e produzido pelo Centro de Estudos da Metrópole (CEM) – um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP –, estreia no dia 19 de outubro, durante a 36ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

O longa foi filmado em Cidade Tiradentes, bairro do extremo leste do município de São Paulo, entre 2006 e 2011. Busca recompor, de modo poético, a trajetória coletiva dos integrantes da Associação do Mutirão Paulo Freire, que no curso de dez anos construíram um conjunto habitacional para cem famílias em regime de mutirão autogerido.

A narrativa acompanha o processo de construção do edifício – da obtenção da terra à moradia – mostrando as dificuldades encontradas no percurso. A história tem como pano de fundo as transformações decorridas na sociedade brasileira desde o final da década de 1980 até hoje.

O documentário foi realizado com apoio da FAPESP e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Será exibido no dia 19 de outubro no Cine Olido, às 19h30, e também no dia 22 de outubro, às 14h, no Espaço Itaú de Cinema (Shopping Frei Caneca). A terceira e última exibição durante a Mostra será em 30 de outubro, às 15h40, no Cine Sabesp.

Assista ao trailer pelo site: vimeo.com/44237518
 

  Republicar
 

Republicar

A Agência FAPESP licencia notícias via Creative Commons (CC-BY-NC-ND) para que possam ser republicadas gratuitamente e de forma simples por outros veículos digitais ou impressos. A Agência FAPESP deve ser creditada como a fonte do conteúdo que está sendo republicado e o nome do repórter (quando houver) deve ser atribuído. O uso do botão HMTL abaixo permite o atendimento a essas normas, detalhadas na Política de Republicação Digital FAPESP.


Assuntos mais procurados