Brazil Institute do Wilson Center debate livro sobre desigualdades no Brasil | AGÊNCIA FAPESP

Brazil Institute do Wilson Center debate livro sobre desigualdades no Brasil Evento promovido em parceira com o CEM e a FAPESP será no dia 6 de fevereiro com transmissão pela internet

Brazil Institute do Wilson Center debate livro sobre desigualdades no Brasil

15 de janeiro de 2016

Agência FAPESP – O Brazil Institute of the Wilson Center, o Centro de Estudos da Metrópole (CEM) – um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) mantidos pela FAPESP – e a própria Fundação promovem, no dia 16 de fevereiro, em Washington, seminário no qual serão debatidos os resultados de pesquisa publicada no livro Trajetórias das Desigualdades: como o Brasil mudou nos últimos cinquenta anos.

Publicado em 2015, o livro traz, em 14 capítulos temáticos, uma compilação de estudos em diferentes aspectos das estruturas sociais e econômicas consideradas centrais nos estudos sobre desigualdades, tais como: participação política; acesso a educação, saúde e serviços públicos; inserção no mercado de trabalho; raça e estudos de gênero. Também foram contemplados no livro estudos detalhados acerca das conexões entre desigualdade e a trajetória das migrações e a filiação religiosa.

Todos os capítulos têm estudos quantitativos e longitudinais baseados em dados de seis edições do Censo Demográfico, de 1960 a 2010. O estudo examina as conexões entre diversas macrotransições – do país rural ao urbano; do regime autoritário ao democrático; da economia estagnada até a crescente – e a direção das políticas públicas dos governos democráticos. Para mais informações sobre o livro leia matéria publicada na Agência FAPESP. 

O seminário reunirá coautores desse estudo considerado dos mais abrangentes já realizados sobre as várias manifestações de desigualdade no maior país da América do Sul, bem como acadêmicos de instituições norte-americanas.

As inscrições podem ser feitas pelo site do evento no endereço www.wilsoncenter.org/event/trajectories-inequality-brazil.
 

Assuntos mais procurados