Finalismo e geração orgânica na época das luzes: as ideias de Maupertuis | AGÊNCIA FAPESP

Finalismo e geração orgânica na época das luzes: as ideias de Maupertuis

Início
14/11/2009
Fim
14/11/2009

Agência FAPESP – A teoria clássica sobre origem dos organismos é o tema central da palestra “Finalismo e geração orgânica na época das luzes: as ideias de Maupertuis”, que será apresentada no dia 14 de novembro, em São Paulo, pelo professor Maurício de Carvalho Ramos, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da Universidade de São Paulo (USP).

O biólogo discutirá a noção de sistema de geração dos organismos examinando os principais conceitos envolvidos nas teorias de Pierre-Louis Moreau de Maupertuis (1698-1759) sobre a origem dos primeiros organismos e a produção de novas espécies.

O evento integra a programação do ciclo gratuito “Neurociências, Arte e Filosofia” da Estação Ciência da USP. Ramos é biólogo e mestre em zoologia pela USP, onde também é doutor e pós-doutor em filosofia da ciência. Atualmente é professor de filosofia na mesma universidade, desenvolvendo pesquisa em duas áreas principais: “geração orgânica e transformação das espécies no século 18” e “valores, ética e atividade científica”.

Mais informações: www.eciencia.usp.br/blog